Enter your keyword

Conheça as regras das gorjetas em 10 países diferentes

Conheça as regras das gorjetas em 10 países diferentes

Hoje vamos falar de um assunto que parece simples, mas que precisa ser analisado quando você for viajar ao exterior, que é em relação a gorjeta a ser dada nos estabelecimentos em que você solicitar um serviço.  Como já sabemos, no Brasil geralmente é dado 10% dos valores gastos pelos serviços como gorjeta. Mas será que nos outros países também funciona desta maneira? Confira!

 Uruguai: No Uruguai a gorjeta é totalmente voluntária, caso você queira gratificar seu atendente ela pode variar entre 5% e 10% do valor total do serviço.

• Estados Unidos: Nos Estados Unidos, seu preço não vem incluído na conta, ela é esperada quando o atendimento é bem prestado. O mesmo serve com taxistas, serviços no hotel e restaurantes. O valor da gorjeta costuma ser de 10 a 15% do valor da conta ou, em outros serviços, somente alguns dólares.

• Argentina: Dar gorjeta não é algo obrigatório, mas normalmente é esperado que você deixe 10% se for bem atendido em bares ou restaurantes. Caso esteja em um hotel 10 pesos já são o suficiente como gorjeta. Vale ressaltar, os argentinos preferem receber a gorjeta em peso ao invés de dólar.

• México: As gorjetas podem ir de 10% a 15% embora o mais comum seja 10%. Pouquíssimos lugares incluem a quantia na conta. Em um hotel turístico, de 20 a 30 pesos (cerca de R$ 3 a R$ 5) para o carregador de malas é considerado uma quantia razoável.

 Egito: No Egito, a gorjeta é cobrada em praticamente todos os tipos de serviços existentes, ou seja, seria deselegante visitar o país e não recompensar aqueles que estão lhe atendendo.

• Portugal: A gorjeta é opcional, quando ela é dada pelos turistas isso significa que o garçom teve seu serviço aprovado. Em Lisboa, no almoço, a maioria das pessoas não costumam deixar gorjeta mas quando deixam, é cerca de 0,50 euros ou 1 euro.

• Alemanha: Por lá não existe nenhuma regra sobre este assunto, em um restaurante alemão a gorjeta significa que o cliente foi bem atendido e aprovou o serviço.

• Suíça: Na Suíça, você não precisa se preocupar com a gorjeta pois ela já esta inclusa no valor a ser pago pelo serviço. É comum deixar gorjeta somente em lugares mais “chiques”, dependendo de como foi o serviço.

• Peru: Assim como em outras partes do mundo, no Peru o valor da gorjeta é incluso no valor total a ser cobrado pelo serviço. Então, dar ou não a gorjeta fica totalmente a critério do turista.

• Canadá: Os canadenses assim como os americanos, levam muito a sério a regra da gorjeta, ela é cobrada nos mais diferentes tipos de serviços, como cabeleireiro, restaurante e até taxistas. A gorjeta pode chegar a 25% do valor total do serviço.

Essas são as principais regras dos países citados, sem dúvida irá ajudar você a evitar tais constrangimentos. Desejamos que você tenha uma ótima viagem!

Sem Comentários

Post a Comentários

Your email address will not be published.